residents

Residentes

..., que querem desfrutar de segurança garantida e acessível, bem como liberdade sob um regime de estrita "Rule of Law". Até agora, apenas grandes empresas com grandes volumes de investimento podem negociar acordos de estabilidade legal com governos. Em Cidades Privadas Livres, cada residente obtém seu próprio acordo pessoal com a operadora, o que garante não apenas a estabilidade e a previsibilidade legais, mas também a segurança física e a liberdade pessoal e econômica. O operador como prestador de serviços do governo não pode alterar este contrato unilateralmente ou aumentar ou inventar novos impostos. Todo mundo paga apenas pelo que eles pediram.

 

Empresas

que estão procurando um ambiente previsível, estável e de baixa regulamentação. Nas Cidades Privadas Livres, até mesmo as pequenas empresas tem garantida contratualmente a estabilidade legal e as obrigações de pagamento fixo pelas suas atividades. A regulação é baixa e limitada para evitar disputas e danos a terceiros. Não existe um fórum para lobistas ou grupos de pressão imporem novas regras e regulamentos que favoreçam a si próprios, seus companheiros ou suas indústrias. As empresas podem se concentrar no que podem fazer de melhor: atender o mercado.

Governos

que querem testar novas idéias para levar seu país para frente e atrairem altos potenciais, investidores e novas indústrias. Com Cidades Privadas Livres, os governos podem experimentar idéias de reforma em escala limitada, que são muito difíceis de implementar em todo o país. Se bem sucedidas, podem ser aplicados a todo o país, como a China fez com a zona franca de Shenzhen. Atrair empresas estrangeiras e residentes qualificados simplesmente concedendo alguns benefícios fiscais não é mais suficiente - já existem mais de 4.000 zonas econômicas especiais no mundo. Para ser competitivo hoje, é necessário garantir estabilidade jurídica e previsibilidade a longo prazo, bem como liberdades econômicas e pessoais. Somente se um ambiente for adequado para indivíduos de alto desempenho, as melhores empresas seguirão.